Analista Judiciário – Arquivologia

Publicado por Agilizas Concursos 30/03/2020 - 15:50 PM
0 min. leitura
Analista Judiciário - Arquivologia 1
Analista Judiciário - Arquivologia 2

Simulado com questões de Analista Judiciário - Arquivologia para concursos.

1. (CONSULPLAN) - O fator primordial que orienta a constituição de uma massa documental em um fundo de arquivo propriamente dito é o(a):
2. (CONSULPLAN) - A Teoria das Três Idades, no conjunto das atividades que fundamentam os diferentes afazeres da Arquivologia, se constitui num referencial fundamental para o(a):
3. (FCC) - Dentre os principais objetivos de uma política pública voltada para os arquivos destacam-se os de:
4. (FCC) - O Código de Deontologia do Conselho Internacional de Arquivos, em seu segundo item, dispõe que os arquivistas tratam, selecionam e mantêm os arquivos no seu contexto histórico, jurídico e administrativo, respeitando, desse modo, o princípio da:
5. (CONSULPLAN) - A garantia à integridade administrativa do produtor do acervo arquivístico exige, como referência, numa hierarquização de prioridades, a(s):
6. (FCC) - Quando diretor do Arquivo Nacional (1958-1964), José Honório Rodrigues preocupou-se com a modernização da instituição e com sua transferência para a nova capital do país. Quis, para tanto, ouvir a opinião de um especialista na área, e conseguiu a vinda do:
7. (FCC) - A cada novo usuário, e até mesmo pela simples possibilidade de um novo usuário, o documento permanece aberto e, obviamente, também o seu contexto. Esta afirmação de Verne Harris (1997) ilustra o que se costuma chamar, no âmbito da teoria arquivística, de postura:
8. (FCC) - A Revolução Francesa foi marco importante na história da Arquivologia porque, entre outros avanços, propiciou:
9. (CONSULPLAN) - A organicidade, enquanto propriedade que diferencia os documentos de arquivo, dos demais tipos de registros, pode ser justificada enquanto produto:
10. (FCC) - Reália é como os bibliotecários denominam os objetos desprovidos de linguagem, extraídos da natureza ou fabricados pelo homem. Na prática arquivística brasileira, no entanto, tais documentos são comumente chamados de:
11. (FCC) - Para T.R. Schellenberg, um dos principais teóricos da Arquivologia, as características essenciais dos arquivos relacionam-se com:
12. (FCC) - O Dicionário brasileiro de terminologia arquivística associa a teoria das três idades ao ciclo vital dos documentos porque:

Compartilhe